Destino: Colonia del Sacramento, Uruguai.

22.07.2015

 

 

Seja qual for o número de vezes que você visitar esse destino histórico uruguaio a 177 quilômetros da capital, Montevidéu, a sensação será a mesma: Colonia del Sacramento, a cidade mais antiga do país, parece ter parado no tempo. E esse é o melhor motivo para conhecê-la.

 

Declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco em 1995, Colonia é cinematográfica. Casario colonial bem preservado, ruas de paralelepípedos iluminadas por lamparinas e becos escondidos à espera de um passeio descompromissado.

 

O Centro parece preservar os mesmos ares da época em que portugueses e espanhóis disputavam esse território estratégico às margens do Rio da Prata. A cidade foi fundada por portugueses e quase um século depois, passou para a administração da Espanha, dando ao lugar uma bela (e imperdível) arquitetura portuguesa com sotaque espanhol.

 

COMO CHEGAR?

Em geral, chega-se a Colonia de ônibus ou barco, mas alguns viajantes com mais tempo podem partir de carro do Brasil.

 

A primeira opção é no caso de você estar vindo de Montevidéu (duas horas e meia de viagem).

 

A segunda, se estiver em conexão com Buenos Aires, viajando de ferryboats da Buquebus (www.buquebus.com) e da Colonia Express (www.coloniaexpress.com). Para os que estão de carro, a partir de Montevidéu, são 177 quilômetros pela Rota 1.

 

Na terceira opção, se você tiver tempo, poderá aproveitar com seu automóvel ou motocicleta partindo do Brasil, será uma longa viagem, mas com certeza poderá aproveitar muito mais, nesse caso deverá se certificar que seu veículo esteja em dia e procure fazer um seguro internacional temporário (Carta Verde), esse documento é obrigatório para circular com seu auto/moto no Uruguai.

 

Melhor época para visitar: Entre setembro e abril, o país registra o menor índice de chuvas. No verão, os termômetros não ultrapassam os 28ºC. No inverno gelado, a temperatura pode chegar aos 6ºC, ou menos, de acordo com a região.

 

  • Língua: Espanhol

  • Moeda: Peso Uruguaio

  • Visto: Não é necessário

  • Saúde: Não há exigências específicas

 

ONDE FICAR?

Não tem muito mistério; escolher onde se hospedar em Colônia é fácil. O problema é, na verdade, encontrar um hotel ou pousada que satisfaça suas necessidades sem extrapolar o preço. Os valores de hospedagem no Uruguai não são muito baratos, por isso é importante pesquisar bem antes de escolher em definitivo onde ficar. 

 

A melhor área para se hospedar é a que fica ao redor do centro histórico, afinal é ele o grande destaque da cidade. Outra vantagem de ficar perto do centrinho é que você poderá conhecer praticamente tudo o que há de interessante apenas caminhando. Ficar mais distante do centro pode garantir maior conforto, mas é preciso colocar na balança se vale a pena ficar à mercê de um transporte. 

 

Há diversas opções de hospedagem na cidade, sendo a maioria delas em pequenas pousadas. Reforçamos a dica de procurar acomodação com antecedência, principalmente durante as férias e em datas festivas. 

 

O QUE FAZER?

O que há de melhor para fazer em Colônia do Sacramento é caminhar pelo seu centro histórico e curtir a imagem das ruas tranquilas, que transmitem uma sensação incontestável de que o tempo parou. Almoçar num dos charmosos restaurantes ou tomar um café olhando a rua também faz parte das coisas mais gostosas que Colônia proporciona. 

 

A parte mais importante (e interessante) de se conhecer é o centrinho. Antes de começar o passeio, vá até a porta da cidade, onde você verá bem próximo um escritório turístico que oferece mapas para os visitantes, e assim ficará mais fácil se localizar.

 

Não deixe de ir à Plaza Mayor, caminhar pela Calle de Los Suspiros e subir o farol da cidade. Colônia é um lugar muito charmoso, basta andar por suas ruas históricas e ver um carro antigo passando para que a fama da cidade se concretize. Se tiver tempo sobrando, tome um táxi e vá até a Plaza de Toros!

 

No final do dia, que tal ver o pôr do sol no Rio da Prata?É imperdível! Caminhar por toda essa região observando a simplicidade da arquitetura, as lamparinas, as lojas e a vista para o rio é ótimo. Colônia é o lugar perfeito para renovar as energias e descansar. 

 
ONDE COMER?

As opções de restaurantes em Colônia não são muitas; afinal, é uma cidade pequena. Porém, se não há muitas alternativas, o que não falta é charme. Sentar nas ruas do centro histórico e comer num dos restaurantes é uma delícia!

 

Uma das grandes vantagens da cidade é que o preço não é exagerado. Mesmo que você jante no melhor restaurante da cidade, não há motivos para se preocupar com surpresas desagradáveis na conta. Quem estiver a fim de economizar pode comer na Av. General Flores, que tem opções mais simples e mais baratas. 

 

Um ótimo restaurante na cidade é o Mesón de la Plaza, que, além de ser muito aconchegante, posui ótimo custo-benefício. Para tomar um café nos dias frios ou um sorvete nos dias quentes, aposte na Freddo, a sorveteria mais famosa de Buenos Aires. 

 
DICAS

- Para fazer a travessia entre Buenos Aires e Colônia você poderá utilizar passaporte ou RG. A imigração de entrada no Uruguai é feita em conjunto com os procedimentos de saída da Argentina.

 

- Não é primordial alugar um carro para conhecer Colônia, principalmente se você estiver no centrinho. É fácil conhecer tudo caminhando, mas, se você quiser alugar um veículo para ter mais conforto, há aluguel de bicicletas e carrinhos de golfe. Se precisar de táxi, não tenha receio, porque eles funcionam com taxímetro e são superbaratos. 

 

- Para sair do porto e ir direto ao centro histórico de Colônia é possível caminhando ou num táxi. Uma corrida de táxi não sai por mais de 15 pesos uruguaios (R$ 1,50).

 

- Para caminhar sozinho por Colônia procure um dos escritórios de apoio ao turista e peça um mapa para se localizar melhor. Você encontra balcões de ajuda na rodoviária, no porto e próximo à porta da cidade. 

 

- É comum aceitarem na cidade não apenas os pesos uruguaios como também pesos argentinos, dólares e até reais - pague com a moeda que você tiver disponível e for a mais vantajosa. Para ter em mãos um pouco da moeda local, utilize uma casa de câmbio no próprio porto de Colônia. 

 

- Os restaurantes e as pousadas aceitam cartão de crédito, mas caso você precise sacar dinheiro, poderá fazê-lo nos caixas eletrônicos dos bancos na rua principal de Colônia. 

 

- No verão faz calor e no inverno faz frio na cidade de Colônia. Lembre-se, no entanto, de que, com o possível ventinho que vem do Rio da Prata, é aconselhável ter consigo um casaco para se proteger. 

 

- Comprando as passagens de barco com antecedência é possível conseguir tarifas mais baratas. Comprar os trajetos de ida e volta juntos também pode ser vantajoso na hora de pagar. 

 

- Comprando um bilhete único o turista poderá visitar os quatro principais museus da cidade. 

 

fonte: guia.melhoresdestinos.com.br

 

A Brazil Lines é uma empresa que garante facilidade e segurança a seus clientes. É nosso compromisso auxiliar você em seu processo de mudança e recolocação num novo espaço. 

 

Qualquer dúvida sobre o processo de mudança residencial a Brazil Lines está a disposição para prestar todo o suporte necessário.

 

Se procura uma empresa de mudança, entre em contato conosco! Realizamos mudança nacional, mudança comercial, mudança internacional e mudanças em Curitiba.

 

MUDANÇAS INTERNACIONAIS | INTERNATIONAL MOVING

 

Please reload

DESTAQUES

A voltagem da rede elétrica da sua cidade de destino é 110v ou 220v?

10.05.2019

1/30
Please reload

RECENTES

Please reload

SIGA

  • Instagram ícone social
  • Facebook Long Shadow

FICAMOS  SEMPRE CONTENTES

EM CONHECER NOSSOS LEITORES E COMPARTILHAR CONHECIMENTOS E IDÉIAS 

 

ESCREVA PARA NÓS

+55 (41) 3073 0280

+55 (51) 3474 3445

© Copyright Brazil Lines. Todos os direitos reservados.