Brasileiros nos Estados Unidos - por Marcele Schroll



Estátua da Liberdade
Estátua da Liberdade

Mudar nem sempre é uma decisão fácil, ainda mais quando se trata de uma mudança de país. Porém, acredito que toda mudança nos traz diversas oportunidades, não somente física, mas também mudanças internas nos envolvidos, digo isso, pois essa experiência nos faz alcançar novos horizontes, a nossa visão se amplia e passamos a ter uma nova perspectiva de vida.


Pensando nisso, para ajuda-los nessa decisão tão importante em suas vidas, a Brazil Lines decidiu compartilhar com vocês, histórias de brasileiros que decidiram sair do Brasil e vivenciar uma nova experiência de vida no exterior.

A entrevistada de hoje é a Marcele, que decidiu sair do Brasil e se mudar para os Estados Unidos.


1 - Brazil Lines - Qual o seu nome completo, idade e profissão?

Marcele - Marcele Schroll, sou professora, porém trabalho com administração de imóveis na Flórida.


2 - BL - Por que você se mudou para os Estados Unidos da America? Qual foi o seu motivo?

Marcele - Por Segurança e afinidade com o país.


3 - BL - Como você se sentiu no começo? Quais problemas você enfrentou?

Marcele - Não foi fácil, mas logo as coisas se ajeitaram, pois tem um processo para se adaptar ao local e também para estar com todos os documentos em dia.


4 - BL- Como você se virava no início?

Marcele - Já vim estabelecida com planejamento.


5 - BL - Como foi essa adaptação com o inglês? É muito diferente do inglês ensinado no Brasil?

Marcele - Sou fluente no idioma desde criança, estudei em escola internacional e sou professora de inglês e português não foi uma barreira.


6 - BL - Que tipo de visto você e sua família tem? O processo para conseguir foi difícil?

Marcele - Temos visto E2 de investidor Europeu, meu marido é Alemão.


7 - BL - Como foi a receptividade do norte-americano? Eles são abertos aos estrangeiros ou são mais fechados?

Marcele - Leva um tempo mas você acaba fazendo bons amigos, mas sabe como é, brasileiro gosta mesmo de estar com brasileiro.


8 - BL - Como foi o processo pra você encontrar moradia (casa/apartamento) nos Estados Unidos?

Marcele - Meus sogros ja tinham um imóvel em Orlando, então a princípio ficamos lá, mas há quase dois anos adquirimos nosso imóvel.


9 - BL - Como é a sua rotina? Você trabalha ou estuda?

Marcele - Trabalho durante horário comercial.


10 - BL - Como são as questões relativas à segurança, saúde e educação por aí?

Marcele - Segurança e educação acho muito bem organizado, a saúde acho complicada de entender e cara.


11 - BL - O que você mais gosta, que mais te surpreendeu nos Estados Unidos?

Marcele - A liberdade.


12 - BL - Qual a sua visão da vida em geral dos Estados Unidos? É mais corrida ou mais tranquila do que no Brasil?

Marcele - Muito mais corrida, mas compensa.


13 - BL - Como você compararia a sua vida no Brasil e nos Estados Unidos?

Marcele - Não sei bem se da para comparar, sempre tive uma vida confortável e não posso criticar meu país, exceto pela segurança no brasil gosto de ambos.


14 - BL - Além dos amigos e familiares, o que você mais gosta e sente falta do Brasil?

Marcele - A comida.


15 - BL - Você vem com regularidade ao Brasil? Já voltou alguma vez após a mudança?

Marcele - Voltei duas vezes.


16 - BL - Você pretende voltar a morar no Brasil?

Marcele - Não.


17 - BL - O que você diria para alguém que está pensando em ir morar nos Estados Unidos? Que dicas daria?

Marcele - Planeja bem, se organiza, estuda o que cabe no seu bolso e tire o documento pertinente a você, mas nunca venha na cara e na coragem e sem possibilidade de documentação pois a vida é bem complicada para quem se coloca nessa posição, mas não deixe de tentar, se isso é um desejo do seu coração.

Se você decidiu se mudar do Brasil assim como o nosso entrevistado, nós da Brazil Lines, teremos o prazer de ajuda-lo com a sua mudança.

Acreditamos que cada objeto da sua casa representa uma página registrada de um momento vivido, e com esse pensamento trabalhamos para oferecer nosso serviço especializado com total segurança, pois estaremos manuseando seu bem mais precioso, seja ele de valor estimado ou sentimental e assim ajudando a acrescer páginas que juntas formam a história de sua vida.

#brasileiros #entrevista #imigrante #brasileirospelomundo #morarnoexterior #mudanças


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo